Ações, projetos e medidas do deputado Carlos Giannazi durante a crise do novo coronavírus

 

 

GIANNAZI COBRA DE ROSSIELI DIÁLOGO COM ENTIDADES

Durante reunião virtual da Comissão de Educação da Alesp, Giannazi cobrou do Secretário da Educação de Doria, que ouça as entidades que representam o magistério e os profissionais da educação!

O deputado exigiu de Rossieli uma solução imediata para os 35 mil professores temporários e eventuais, abandonados sem renda pelo governo Doria, cobrou soluções para o caos da EaD, chamada dos aprovados em concursos, suspensão do plano fantasioso de volta às escolas e outros temas importantes.

 

 

VAMOS BARRAR DORIA E SEU PLANO DA MORTE

Giannazi agiu imediatamente, assim que Doria publicou o Decreto 65.061/20, nesta terça (14/07), acionando o MP e protocolando um Projeto de Decreto Legislativo para suspender e barrar o nefasto plano de retorno às escolas.

O plano, elaborado em gabinetes de palácios sem ouvir os profissionais da eduucação e as comunidades escolares, não corresponde à realidade da rede, onde faltam profissionais, estrutura e meios materiais para garantir a segurança sanitária de todos!!!

 

 

A vida não tem segunda chamada!

Doria e Covas anunciaram que o plano de volta às escolas está de pé!  Nós sabemos as reais condições das unidades escolares, sucateadas pelos cortes em investimentos das gestões tucanas!
Falta água, energia, papel, há déficit de professores, QA e profissionais de limpeza, tornando irresponsável e genocida o plano de volta às aulas!


É pra essa escola que João Doria e Bruno Covas querem que você volte! Diga não à volta as aulas para Salvar Vidas Na Educação.

 

 

VOLTA ÀS ESCOLAS DURANTE A PANDEMIA, NÃO! 
Doria insiste em manter o plano GENOCIDA de retorno às escolas!

 

Nós conhecemos as reais condições das unidades escolares, sucateadas pela falta de investimentos das gestões tucanas!

Falta água, energia, papel, há déficit de professores, QA e profissionais de limpeza, tornando irresponsável e genocida o plano de volta às aulas!

É para essa escola que Doria quer que você volte

A vida não tem segunda chamada!

 

 

Nem plantão, Nem volta às aulas!

Ato na DRE Capela do Socorro com o vereador Celso Giannazi em defesa da vida dos profissionais da Educação, alunos e das comunidades escolares!

 

 

Marcha em defesa da vida!

Contra a política criminosa de Doria e Covas na Educação, Giannazi e o vereador Celso Giannazi participaram de ato na Zona Sul de São Paulo em defesa da vida, contra o fascismo e o racismo.

Denunciaram os plantões criminosos nas escolas e o anúncio absurdo de volta às aulas em meio a maior crise sanitária do país! A marcha em defesa da vida e da democracia saiu da praça Floriano Peixoto e foi ate a região da Borba Gato!

 

 

CONQUISTA DA CULTURA

Fruto da luta e pressão dos trabalhadores da cultura e da oposição no Congresso, ainda não resolve o problema, mas é um passo importante para garantir o mínimo de dignidade.

Seguimos na luta aqui em SP, pela aprovação do nosso PL 253/20, do qual Giannazi é coautor!!

 

 

ESCOLA COM PARTIDO | EaD de Doria é feito por empresa ligada à campanha de Bolsonaro e suspeita de capturar dados de alunos e professores!

A empresa escolhida por Doria para fornecer o App de EaD para milhões de alunos e professores da rede estadual, é ligada a políticos bolsonaristas e a um acusado de participar de uma rede de prostituição de menores de idade.

Com sede pra lá de suspeita, numa sobreloja sem identificação no Rio de Janeiro, a empresa é desconhecida até no meio em que atua! Seu único produto de sucesso até aqui, era um aplicativo criado em 2018, para a campanha de Jair Bolsonaro.

O programa estrela da empresa é a TV Bolsonaro, criada para espalhar as mentiras e teorias da conspiração que alimentam a fanática claque do presidente. Quem frequenta o canal encontra um cardápio ininterrupto de programas com discursos, propagandas do governo e depoimentos de usuários que reproduzem notícias falsas e fazem apologia ao uso de armas e à ditadura militar.

 

EM LUTA, AO LADO DOS METROVIÁRIOS!

Giannazi acionou o Ministério Público do Trabalho a pedido dos funcionários do Metrô e entidades que os representam, para denunciar e exigir providências contra a ameaça de cortes de direitos e de demissões em massa, inclusive retroativamente ao mês de maio!

Estamos ao lado dos trabalhadores contra este ataque da Companhia do Metropolitano de São Paulo, que quer se aproveitar do momento de crise provocada pelo coronavírus para retirar direitos trabalhistas e gerar mais desemprego!

 

 

 AO LADO DOS TRABALHADORES DA CULTURA

O PL 350/20, aprovado na Alesp, que trata de medidas de combate aos efeitos da Covid19, incorporou emendas de Giannazi para garantir apoio ao setor cultural e seus profissionais, entre os mais afetados pela pandemia!!

 

 

DEFESA DOS PROFISSIONAIS DA SAÚDE E DA DIGNIDADE HUMANA

O PL 350/20, aprovado na Alesp, incorporou o PL 249/20 de Giannazi, para assegurar aos profissionais da saúde vagas de hospedagem em hotéis próximos aos hospitais e locais de atendimento aos pacientes infectados pela Covid-19.

O mesmo direito fica assegurado para pessoas em situações de vulnerabilidade socioeconômicas, afetadas pela pandemia!

 

SAÚDE NÃO É MERCADORIA
A vida acima do lucro, o interesse público prevalece sobre o privado!

O PL 249/20, de autoria de Giannazi, que autoriza o Estado a requisitar leitos de hospitais privados para os pacientes de Covid-19, quando não houver no SUS, foi incorporado pelo PL 350/20, aprovado na Alesp!!!

 

 

EM DEFESA DOS PROFESSORES EVENTUAIS
Renda Emergencial, solidariedade e luta!

– Participe desta luta, ajude a pressionar o Governo e a Alesp!

Giannazi não admite a crueldade do governo Doria, com Professores Eventuais (“S” e “V”), assim como com os Categoria O. Todos abandonados sem renda alguma!

O Deputado acionou o MP, é autor de projetos e emendas e pressiona diuturnamente pela aprovação imediata dos mesmos, para garantir dignidade aos profissionais da educação!

– Além do PL 171/20, Giannazi propôs que parte dos R$300 milhões em cortes de gastos da Alesp, fossem usados na proteção dos professores eventuais!

– É autor do PL 340/20, que destina R$ 36 milhões da Nota Fiscal Paulista para a renda emergencial de professores eventuais, categoria O, merendeiras, pessoal terceirizado da limpeza e transpostistas escolares.

– PL 237/20, para que o Estado utilize os recursos dos Fundos Especiais do Tesouro, para garantir que professores eventuais, Categoria O e terceirizados, tenham renda garantida durante a pandemia.

 

 

EXTENSÃO DE LICENÇAS MATERNIDADE E PATERNIDADE
Proteção para os recém-nascidos e suas famílias! 

Na contramão da retirada de direitos promovida pelos governos, Giannazi propõe o Projeto de Lei Complementar nº 10/20, para extender em 180 dias o período de licenças maternidade e paternidade dos servidores públicos estaduais, sempre quando decretada situação de emergência ou calamidade pública, como no caso da presente pandemia de Covid-19!

 

 

CONCURSOS PÚBLICOS
Suspensão dos prazos já! 

Giannazi é autor do PL 152/20, o primeiro e pioneiro projeto na Alesp, a tratar do tema da suspensão dos prazos de validade de todos os concursos públicos do Estado de SP, durante o surto de Covid19.

 

CONCURSOS PÚBLICOS DO TJSP

Suspensão dos prazos já!!

O TJ tem milhares de aprovados para os cargos de escreventes, assistentes sociais, psicólogos, contadores etc, aguardando a chamada! Na atual situação de pandemia que o país atravessa o CNJ recomenda a suspensão dos prazos de validade dos concursos, para não prejudicar o direito dos aprovados e nem desperdiçar dinheiro público.

 

 

APOIO AOS TRANSPORTADORES ESCOLARES JÁ! PL347/20

O PATE – Programa de Apoio ao Transportador Escolar – apresentado pelo deputado Carlos Giannazi para todo o Estado de SP, garante:

Renda emergencial de um salário mínimo

A contratação dos escolares para a prestação de serviços de transportes emergenciais de enfrentamento da pandemia do Covid-19

Isenção por dois anos, de todas as as taxas do DETRAN-SP

Isenção das taxas de emissão ou renovação da CNH

Isenção de IPVA

Isenção de ICMS na compra de veículos novos

 

 

REDUÇÃO DA ALÍQUOTA PREVIDENCIÁRIA JÁ!
Doria inimigo do serviço público

Atendendo à solicitação das entidades que representam os servidores estaduais, Giannazi apresentou o PLC 8/20, propondo a suspensão imediata do aumento da alíquota da previdência estadual, aprovada por Doria e seus aliados na nefasta farsa da reforma da previdência.

A suspensão deve vigorar até dezembro de 2021, para ajudar a reparar as dificuldades que os servidores, que continuam trabalhando sim, vêm sofrendo durante a pandemia devido aos cortes e maldades promovidos por Doria!

 

 

BASTA DE OMISSÃO E DESCASO
Fundação Casa

Em plena pandemia de Covid19, a omissão e o descaso de Doria nos fazem ter que exigir o mínimo, o óbvio: equipamentos de proteção em quantidade e qualidade suficientes, para os trabalhadores que estão na linha de frente, expondo sua saúde e a de suas famílias ao contágio!

 

 

MAIS UMA CRUELDADE DE DORIA
contra os servidores adoentados!

Giannazi acionou a Secretaria Estadual de Planejamento e Fazenda para que revogue imediatamente o Parecer nº 95/15 que suspende o pagamento dos servidores que não tenham conseguido passar pela perícia médica do DPME ou que não tenham o laudo publicado.

O DPME está com suas atividades suspensas desde o mês de março, devido à pandemia, prejudicando covardemente os servidores enfermos, que tiveram suas perícias suspensas compulsoriamente. Os servidores não podem ser punidos e ficar sem seus proventos, quando mais precisam, por causas alheias à sua vontade!



 

 

DORIA, PROTEJA A SAÚDE DO QAE/AOE

Giannazi entende que os servidores do QAE e os trabalhadores terceirizados da educação, já tão maltratados e esquecidos pelos governos tucanos de SP, têm direito a ser imunizados em todas as campanhas de vacinação destinadas ao magistério nas escolas!

Neste momento de pandemia, nossa luta é para que Doria deixe de ser hipócrita e não obrigue estes servidores ao trabalho presencial. Giannazi apresentou projetos neste sentido, além de ter acionado o MP, a OMS e a OIT!! O governador está colocando a saúde e a vida destes profissonais da educação em risco, nada mais justo do que também sejam imunizados contra a gripe neste momento!

 

 

EM DEFESA DOS SERVIDORES DO SISTEMAPRISIONAL
Contra o abandono, descaso e omissão de Doria e da SAP!

Giannazi está tomando providências para barrar e corrigir as graves falhas da Secretaria de Administração Penitenciária, que estão provocando o aumento e a proliferação do coronavírus no sistema prisional do Estado.

Giannazi também é autor de emenda para que o governo inclua a categoria na gratuidade para os transportes públicos e do PL 161/20, que garante gratuidade nos pedágios do Estado.

 

 

A FARSA DO EAD NA REDE ESTADUAL

Giannazi acionou o MP pela suspensão da farsa montada por Doria, até que a SEE apresente planejamento concreto, realista e definido com a participação da comunidade escolar, além de oferecer as condições materiais e tecnológicas para que o magistério possa ensinar e os alunos possam aprender!

Não aceitamos a imposição autoritária, sem base pedagógica, sem organização, sem planejamento e sem meios tecnológicos, uma verdadeira “gambiarra”!

 

 

BARBÁRIE EXPLÍCITA!!!
“Justiça com as próprias mãos”
“Professores que se cuidem”

Inadmissível!!! Além de menosprezar decisão unânime da justiça, esse movimento Escola Sem Partido (só no nome), que defende Censura e Mordaça nas escolas, estimula a perseguição e violência criminosas contra professores. Reagimos à altura e acionamos o Ministério Público para que providências sejam tomadas!

 

 

DESCASO COM A SAÚDE
Hospital Universitário da USP

Giannazi esteve no HU da USP esta semana e acionou o Ministério Público, pedindo a responsabilização criminal do superintendente do Hospital Universitário e do reitor da USP, por omissão e descaso com a falta de máscaras e EPIs para os servidores da saúde.

 

 

O INSTITUTO EMÍLIO RIBAS PEDE SOCORRO
Na linha de frente contra o Coronavírus

Há anos Giannazi denuncia e luta contra o desmonte do maior Instituto de Infectologia da América Latina!

O Deputado realizou audiências públicas, acionou o Ministério Público, a Comissão de saúde e o TCE, para que providências urgentes fossem tomadas.

 

 

SUSPENSÃO IMEDIATA DAS ISENÇÕES FISCAIS AOS GRANDES DEVEDORES DO ESTADO NÃO AFETADOS PELA CRISE

Doria abandonou as pequenas empresas e comércios, mas segue concedendo mais de R$ 20 bilhões em isenções de impostos para grandes empresas que não estão sendo atingidas pela pandemia, como as operadoras de telecomunicações e grandes frigoríficos.

Essas grandes corporações são duplamente beneficiadas: devem para o povo e ainda assim não pagam impostos! Juntas, elas devem mais de R$ 340 bilhões ao Estado. Só as 10 maiores devedoras somam quase R$ 30 bilhões. Sadia, Marfrig, Vivo, Tim e Claro, fazem parte da lista, por exemplo.

 

 

EM DEFESA DOS PROFESSORES EVENTUAIS
SOLIDARIEDADE E LUTA!

A emenda nº 20/2020 (ao projeto de Resolução nº 13/20), de autoria de Giannazi, dispõe que parte dos mais de R$ 300 milhões que a Alesp vai fazer em cortes de gastos, sejam usados na proteção dos professores eventuais!

Giannazi não admite a crueldade do governo Doria, que deixou Professores Eventuais (chamados categoria “S” e “V”), completamente vulneráveis e sem rendimentos para enfrentar a pandemia de Coronavírus, período em que estão impedidos de lecionar devido ao fechamento das escolas para assegurar o isolamento social!

 

 

QUARENTENA DE MENTIRINHA
Podíamos esperar algo diferente do Doria?

Giannazi é autor de projeto que impede Doria de seguir colocando a saúde e a vida dos profissionais da educação da rede estadual em risco! A SEE mantém servidores de plantão nas escolas, fala em flexibilização da quarentena mesmo com os números de casos e mortes aumentando e está convocando professores a comparecer para distribuir kits escolares aos alunos!

O Deputado também acionou o MP contra a exposição dos profissionais da Educação ao coronavírus e exige que o governo ofereça a professores e alunos as condições mínimas de acesso à tecnologia para a EaD!

 

 

SUSPENSÃO DOS DESCONTOS EM FOLHA ENQUANTO DURAR A PANDEMIA!

Como resposta aos absurdos cortes dos salários dos servidores, impostos por Doria, Giannazi apresentou PL 267/20 que suspende descontos referentes a empréstimos consignados, garantindo que nenhuma multa ou juros seja aplicado ao saldo devedor!

Os servidores estaduais, em sua esmagadora maioria, recebem baixíssimos salários e recorrem a esse tipo de empréstimos. Com os cortes provocados pela pandemia, não têm fôlego para arcar com tantas despesas!

 

 

SAÚDE NÃO É MERCADORIA
A vida acima do lucro! 

Giannazi é autor do PL 249/20, que coloca o interesse público na frente dos interesses econômicos e autoriza o Estado a requisitar leitos de hospitais privados para os pacientes de Covid-19 se a rede pública não tiver vagas disponíveis!!!

O projeto assegura aos profissionais da saúde, para seu descanso e higiene, vagas de hospedagem em hotéis próximos aos hospitais e locais de atendimento aos pacientes infectados pelo coronavírus.

 

 

VALORIZAR QUEM SALVA VIDAS ARRISCANDO A SUA PRÓPRIA!

O PL 246/20, de autoria de Giannazi, cria gratificação extraordinária e faz justiça aos servidores da área da enfermagem ou de atendimento epidemiológico e de controle sanitário, inclusive aos que atuam na limpeza e contenção higiênica, em hospitais, em contato direto com pacientes infectados por coronavírus.

Profissionais com jornada exaustiva, que sofrem com baixos salários e falta de equipamentos de proteção, mas que estão na linha de frente na luta contra a Covid-19, expostos diariamente ao contágio.

 

 

NÃO À OBRIGAÇÃO DE TIRAR FÉRIAS E LICENÇA PRÊMIO

Giannazi tomou uma série de providências, inclusive junto ao MP, em defesa do direito dos servidores públicos de gozar suas férias e licençaprêmio nos termos da lei e não por imposição do governador. A quarentena faz parte de uma emergência sanitária, não é férias e nem licença!!!

 

 

PAGA LOGO Doria
O bônus do magistério paulista e do QAE/QSE 


Giannazi está exigindo do governo estadual o imediato pagamento de promoções de mérito, bônus e progressões já aferidas!

Após a nossa pressão ao lado dos profissionais da rede estadual, Doria anunciou que pagará o bônus do magistério em julho. Mas como isso não é justo e como sabemos que ele sempre mente, seguiremos pressionando para que pague já, e não somente para o magistério, mas também para o QAE/QSE, principalmente para os AOE´s, já tão aviltados em seus rendimentos!

 

 

DORIA INIMIGO DO SERVIÇO PÚBLICO

Aproveita a pandemia para atacar os trabalhadores! 

Giannazi apresentou um PDL para REVOGAR totalmente o Decreto n⁰ 64.937/20, do governador, que ATACA frontalmente direitos dos servidores estaduais!

O PDL do Deputado foi apresentado imediatamente, assim que saiu a publicação do decreto em que Doria suspende o pagamento da antecipação do 13⁰, a conversão em abono pecuniário de 1/3 das férias, suspende concursos públicos e a chamada de aprovados, agravando o déficit de pessoal no serviço público!

 

 

NÃO SE ENGANE…

assim como Paulo Guedes, Doria também está usando a crise para atacar os trabalhadores. Rescindiu contratos, gerou desemprego e deixou famílias sem renda!

Giannazi apresentou projeto de lei (PL 237/20), para que o Estado adote medidas exepcionais nos contratos de prestação de serviços e utilize os recursos advindos dos Fundos Especiais ao Tesouro do Estado, para garantir que professores eventuais (categorias S/V), temporários (Categoria O) e terceirizados, como pessoal do transporte escolar, merendeiras e pessoal da limpeza, por exemplo, tenham renda garantida durante o período de quarentena!
coronavírus

 

 

QUARENTENA NÃO É FÉRIAS, NÃO É RECESSO
É uma questão de saúde pública!

 

Giannazi é autor de projetos, como o PL 136/20, que impedem que Doria corte ou suspenda o pagamento de auxílios, principalmente alimentação, dos servidores estaduais durante a crise do Coronavírus.

 

Há anos sem nenhum reajuste, muitos servidores como os Agentes de Organização Escolar, vivem com menos de um salário mínimo e dependem desse auxílio para complementar a renda familiar! Os servidores não estão em casa por querem, mas por determinação do governo, por razões sanitárias!

 

 

CRISE DO Coronavírus

Em defesa dos servidores!

Giannazi está tomando uma série de medidas para exigir que os servidores públicos que não podem trabalhar de casa, como os Oficiais de Justiça, recebam imediatamente materiais de proteção, como máscaras e álcool em gel!

 

 

NÃO SE ENGANE…

assim como Paulo Guedes, Doria também está usando a crise para atacar os trabalhadores!

Giannazi apresentou uma série de projetos, acionou o MP e a Organização Internacional do Trabalho, contra a suspensão de contratos com trabalhadores como merendeiras, pessoal da limpeza, transporte escolar, terceirizados e prestadores de serviços para o Estado, que Doria quer deixar sem emprego! Como essas famílias vão lutar contra o coronavírus sem renda??

 

 

URGENTE
Bolsonaro Genocida

ASSINE!! Compartilhe!!

Vamos pressionar para que Bolsonaro responda por seus atos!
www.carlosgiannazi.com.br/fora-bolsonaro

Giannazi acionou a Corte Penal Internacional denunciando o presidente do Brasil por crimes contra a humanidade!! Bolsonaro viola sistematicamente todas as orientações da OMS, estimulando a proliferação da pandemia do Coronavírus, colocando a saúde e a vida da população em risco!!

Vamos pressionar a corte pela aceitação da denúncia, para que o genocida seja julgado e responsabilizado! Assine!!!

 

 

EM DEFESA DOS PROFESSORES EVENTUAIS

SOLIDARIEDADE E LUTA!

Giannazi não admite a crueldade do governo Doria, que deixou Professores Eventuais (chamados categoria “S” e “V”), completamente vulneráveis e sem rendimentos para enfrentar a pandemia de Coronavírus, período em que estão impedidos de lecionar devido ao fechamento das escolas para assegurar o isolamento social!

O projeto do deputado assegura a esses profissionais da educação, afastados de suas funções por motivo alheio à sua vontade, o pagamento do piso salarial estadual, assegurando-lhes uma renda mensal capaz de lhes ajudar a suportar o período sem trabalho!

 

 

A FARSA DA EAD NA REDE ESTADUAL
Pandemia não é recesso e nem férias!

 

Giannazi acionou o MP contra o assédio moral da SEE sobre os professores e a farsa da EAD.

Em plena quarentena do coronavírus, com aulas suspensas, o governo Doria está pressionando para que o magistério improvise conteúdos à distância sem que o Estado dê os meios e condições para isso, nem para professores, nem para os estudantes. Como alunos carentes vão poder acompanhar sem computador e internet em casa?

Não aceitamos essa imposição autoritária, sem base pedagógica e sem organização e planejamento, uma verdadeira “gambiarra”!

 

 

A FARRA DOS PEDÁGIOS PODE ESPERAR
Cancelas abertas já!!

 

Os trabalhadores das cabines de cobrança e os usuários estão expostos ao contágio de coronavírus pela contaminação do dinheiro. O projeto de Giannazi impede demissões, uma vez que as concessionárias lucram bilhões por ano, com margens de lucro de até 80% e têm caixa para manter os salários durante a crise!

 

Não é um serviço essencial. Suspender a cobrança vai facilitar o trânsito dos trabalhadores da saúde, da segurança pública e baratear o frete dos alimentos!

 

Só em 2019, a CCR, por exemplo, teve R$ 2,5 bilhões em receitas e um lucro líquido de mais de R$ 500 milhões.

 

 

GRATUIDADE JÁ!
No transporte público, para os servidores da SAP e Fundação Casa.

 

Doria anda meio esquecido!! Assinou a gratuidade para as forças de segurança pública mas deixou de fora os servidores do Sistema Penitenciário e da Fundação Casa, que continuam trabalhando normalmente em suas funções, que são essenciais neste momento para toda a sociedade!!

 

 

RENDA BÁSICA EMERGÊNCIAl JÁ!
Garantia de dignidade durante a crise do coronavírus

 

O projeto faz parte de um conjunto de propostas de Giannazi para o período da crise de saúde pública pela qual passamos. Assegura uma renda mínima às famílias em condição de vulnerabilidade social, mais afetadas pelo isolamento social, principalmente as que tiram o sustento do trabalho informal.

 

Os recursos virão do montante que o Estado de SP reservou no orçamento para pagar a dívida com a União, cuja cobrança foi suspensa para que o dinheiro fosse usado em medidas emergenciais nesta crise.

 

 

CONCURSOS PÚBLICOS
Suspensão dos prazos já!

 

Giannazi apresentou projeto para que o prazo de validade de concursos seja interrompido e volta a contar após a crise do coronavírus.

 

Com a paralisação da convocação em concursos públicos devido à COVID-19, o vencimento do edital coloca em risco a efetivação dos aprovados! Deste modo, Giannazi apresentou o PL 152/2020, que garante a suspensão dos prazos de validade dos concursos já homologados até a superação da pandemia.

 

 

NÃO SE ENGANE…
assim como Paulo Guedes, Doria também está usando a crise para atacar os trabalhadores!

 

Giannazi apresentou uma série de projetos, acionou o MP e a Organização Internacional do Trabalho, contra a suspensão de contratos com trabalhadores como merendeiras, pessoal da limpeza, transporte escolar, terceirizados e prestadores de serviços para o Estado, que Doria quer deixar sem emprego! Como essas famílias vão lutar contra o coronavírus sem renda??

 

 

EM DEFESA DA CIÊNCIA
O Brasil precisa dela mais do que nunca!

 

Contra o ataque à ciência e à pesquisa, Giannazi acionou o MPF para barrar o corte covarde de bolsas de estudos de pesquisadores, feito pelo governo Bolsonaro bem no meio da pandemia da Covid19, quando mais o país precisa promover a pesquisa e valorizar os cientistas!!

 

 

AO LADO DOS TRABALHADORES
Crise do Coronavírus

 

Para barrar os desmandos de Doria  e BrunoCovas, além de diversas outras ações e medidas, Giannazi e o vereador da Capital, Celso Giannazi acionaram as Organizações Internacionais do Trabalho e da Saúde para:

Garantir a TODOS os servidores o direito ao isolamento social em casa, incluídos os gestores e o Quadro de Apoio Escolar!

Resguardar TODOS os direitos trabalhistas e proibir devios de função!

Assegurar os empregos e a renda dos funcionários terceirizados e eventuais!

 

 

Fica em casa

Entenda a importância vital do isolamento social. Pratique! Compartilhe! coronavírus

 

 

EM DEFESA DA POPULAÇÃO

É hora de dar apoio às famílias e aos trabalhadores e não de priorizar o egoísmo e o lucro!

Doria e Bolsonaro, falam muito que defendem a família, mas na contramão do que o resto do mundo está fazendo, resolveram proteger o setor privado e os mais ricos, na crise do coronavírus.

 

 

EM DEFESA DOS TRABALHADORES

Doria está aproveitando a crise para atacar mais ainda os servidores e trabalhadores do Estado.

Giannazi protocolou projeto (PL 136/20) para que nenhum auxílio ou benefício seja cortado ou suspenso durante a crise do coronavírus. A quarentena é imposição sanitária e não uma escolha dos servidores.

 

Propostas, ações e medidas de Giannazi em defesa da saúde e dos direitos dos servidores e alunos da rede pública estadual:

 

 

Crise do Coronavírus

Contra o descaso e falta de ação do governador João Doria e para ajudar a frear a disseminação do vírus no Estado, o deputado Carlos Giannazi protocolou projeto para que as faltas ao trabalho, dos Servidores Estaduais afetados pelo surto de #Coronavírus, sejam abonadas, transformando essas faltas em efetivo exercício para fins funcionais!

 

Giannazi e o vereador Celso Giannazi também acionaram o Ministério Público pela suspensão imediata das aulas das redes Estadual e Municipal.