Aprovados em concursos do sistema penitenciário reivindicam convocação

14 de fevereiro de 2019

 

Uma audiência pública realizada na terça-feira (12/3), no plenário José Bonifácio da Alesp, reuniu aprovadas no concurso para o cargo de agente de segurança penitenciária feminino, realizado em 2013, que pleiteiam sua convocação.

 

O deputado Carlos Giannazi, líder do PSOL, foi o responsável pelo evento. “A validade do concurso, que foi prorrogado, termina em duas semanas – no dia 28/3. Pedimos a convocação dos aprovados em todos os certames da Secretaria da Administração Penitenciária. Se o estado realiza um concurso com dotação orçamentária, autorização da Alesp e aprovação do Tribunal de Contas, os aprovados têm de ser chamados”, disse.

 

Dentre as questões levantadas pelos presentes estiveram o déficit de funcinoários e o cumprimento de data base salarial. “O déficit do sistema penitenciário é muito grande, passa de 3,7 mil servidores”, afirmou Cláudia Silva, uma das 315 aprovadas remanescentes.

 

Segundo Fábio Jabá, presidente do Sindicato dos Funcionários do Sistema Prisional (Sifuspesp), “a data-base da categoria foi em 1º/3, e o governo não se pronunciou sobre o reajuste”.

 

Durante o debate, foi proposta a realização de duas audiências com os secretários de Administração Penitenciária e de Segurança Pública, para abordar também a questão de aprovados remanescentes.

 

Leia mais sobre Segurança Pública